domingo, 23 de julho de 2006

Dá-me luz, ó deus do tempo!

"E saiba que forte eu sei chegar. Mesmo se eu perder o rumo."

"E eu que já não sou assim muito de ganhar, junto as mãos ao meu redor, faço o melhor que sou capaz, só pra viver em paz."
Hoje eu faço 21 anos. Tudo bem, já começa aqui a responsabilidade dessa vida [como se já não tivesse começado antes... só que agora, tem a visão da sociedade...] e a consciência de fazer certo.
Hoje também acordei e ganhei os abraços mais queridos daqueles que estão comigo nesses 21 anos. E isso sim é que é o verdadeiro presente.

E hoje vejo mais um ciclo terminando pra outro começar. Talvez esse dia 23 seja o dia que não conta em nenhum desses 2 ciclos. É o "dia da transição". É o dia de férias! Rs. Meu dia.

Quanta coisa aconteceu nesse último ciclo. Meu Deus, quanta mudança na minha vida. E devo agradecê-Lo... Pela faculdade, pelos grandes e melhores amigos que fiz lá, pelos amores que encontrei lá, pelo crescimento que veio por tabela, pelo aprendizado de cada dia [!!!!], pelas responsabilidades [já dizia o Homem-Aranha que grandes poderes trazem sempre grandes responsabilidades. Sei bem.], pelos velhos amigos que permanecem, pela poesia de cada dia, pela minha família de sempre e pra sempre, pelas derrotas, pelas tristezas, pelo caminho, pelo futuro e por eu poder estar aqui, pela Sua permissão, e aproveitar cada coisa dessa. Obrigada, meu Deus.

Obrigada pela minha vida.



Posso ouvir o vento passar
Assistir à onda bater
Mas o estrago que faz
A vida é curta pra ver
Eu pensei que quando eu morrer
Vou acordar para o tempo
E para o tempo parar.
Um século, um mês
Três vidas e mais
Um passo pra trás?
Por que será?
Vou pensar.
Como pode alguém sonhar
O que é impossível saber?
Não te dizer o que eu penso
Já é pensar em dizer.
E isso, eu vi, o vento leva!
Não sei mas sinto que é como sonhar
Que o esforço pra lembrar
É a vontade de esquecer
E isso por quê?
Diz mais!
Se a gente já não sabe mais rir um do outro, meu bem
Então o que resta é chorar
E talvez se tem que durar
Vem renascido o amor, bento de lágrimas.
Um século, três,
Se as vidas atrás são parte de nós
E como será?
O vento vai dizer lento o que virá
E se chover demais a gente vai saber,
Claro de um trovão,
Se alguém depois sorrir em paz.
(Só de encontrar...)

O Vento - Los Hermanos.

7 comentários:

Paulo disse...

Carol,

me perdoe, por favor.
Eu passei por aqui no f.d.s. mas, vc ainda não tinha escrito sobre o seu aniversário no domingo!
Eu desejo que vc seja muito feliz, que alcance seus objetivos, que realize seus sonhos e que tenha muito sucesso no que fizer...
Vc merece!

um beijo e tudo de bom!

Ayla disse...

Minha amiga, a vida é engraçada... as coisas mudam numa velocidade que a gente nem imagina!!!
O que parace ser indiferente hoje, amanhã passa ser o seu desejo mais intenso... e é assim que aprendemos a dar valor a cada momento, porque não é mentira quando dizem que, talvez, amanhã as coisas podem estar com uma cara diferente!!!

Por isso eu desejo que vc viva esses seus 21 anos com a intensidade que eles merecem! =)
Porque de responsabilidade eu não preciso falar para vc! =p

Mil beijos!

gaby disse...

depois dos 20 tudo passa voando kerida, aproveita!!! bjokas

luciana disse...

e feliz aniversário, entonces, moça dos sonhos.
e que continue tudo cada vez melhor e que esse ciclo que se aprochegou seja ainda muitíssimo melhor que o outro, pois é pensando assim que a gente vive, não é mesmo?
um abraço grande!

Paulo disse...

E a semana como foi?
Está tudo bem?
- Espero q sim.

Um lindo f.d.s.

bjo

Raquel disse...

Poxa to muito atrasada para os parabens...
é que ando sem tempo ate pra postar algo,
os aniversarios são sempre momentos de reflexão, mas no final são isso passagem,
passagem e nos somos os construtores das pontes e dos caminhos que queremos traçar, aconteça o que acontecer tenha sempre fé e esperança!
o importante é o que somos e o que podemos ser, não esqueça isso...
Bom, obrigado por sua visita e a gente se ve outras vezes...
Beijão, felicidades... :)

HanneBaby disse...

Olá!
Comentando pela primeira vez e pertinho do seu aniverssário!!
Coincidência?? Sei lá!
Mas sendo assim: "Parebéns atrasado"!
Fiz um blog ontem e achei o seu muito legal!
Como não sei mecher direito ainda, queria que, qualquer hora vc me desse uma mãozinha =D
ahauhauh
abraço, t+