segunda-feira, 30 de outubro de 2006

Quero transfundir teu sangue pra esse meu coração que é tão vagabundo.



[Antes de tudo, mals pela ausência. É tanta felicidade que me faltam palavras. ]
Espera-se 1 hora na fila de um banco. Espera-se a noite passar pra chegar uma nova manhã. Espera-se o cafezinho expresso ficar pronto no bar. Espera-se 9 meses por uma nova vida. Espera-se o lançamento de um novo CD. Espera-se um show do U2 no Brasil. Espera-se pelo filme mais sensacional. Espera-se pelo primeiro beijo. Pela primeira vez. Pelo capítulo final da novela. Pelas memórias póstumas do seu poeta favorito. Pela aprovação no vestibular. Por comprar seu primeiro MP3. Seu primeiro celular. Seu primeiro carrinho de corrida. Espera-se pelo pedido de casamento. Pela viagem de lua-de-mel. Pela hora em que os pais não estarão em casa e vc ficará sozinha[o] com ele[a]. Espera-se pela festa de 15 anos. Pelo pão quentinho da padaria. Pela hora de chegar. E pela hora de partir. Espera-se ver sua primeira ópera. Ou seu primeiro baile funk. Pelo nascimento dos seus filhos. Ou sobrinhos. Ou os filhos da sua amiga. Espera-se 80 anos por um vinho. Espera-se para reencarnar. E para morrer. Espera-se no sinal de trânsito. Para bater uma foto. Pra voltar à superfície depois de um mergulho. Espera-se o resultado do jogo. Espera-se pra fazer cocô até. Espera-se que sua irmã devolva sua calça. Espera-se 4 anos pra se formar na faculdade. E outros tantos pra virar doutor. Espera-se ganhar mais dinheiro. E ver esse país melhorar. Espera-se sua mãe parar de te pedir pra lavar a louça. Espera-se por dormir um dia inteiro. Espera-se pelo próximo carnaval. Espera-se pra ver uma orquídea florescer. Ou um girassol. Espera-se o cabelo crescer. Pra cortar de novo. E pelo próximo show dos Los Hermanos no Rio. Espera-se a próxima viagem pra Santa Catarina. Espera-se pra ver uma estrela cadente. E passar na pior matéria do período. Eu detesto esperar. E precisei fazer isso por 21 anos pra dizer que te amo.



"You've got that look again
The one I hoped I had when I was a lad
Your face is just beaming,
Your smile got me boasting, my pulse roller-coastering
Anyway the four winds that blow
They're gonna send me sailing home to you
Or I'll fly with the force of a rainbow
The dream of gold will be waiting in your eyes
You know I'd do most anything you want
Hey I, I try to give you everything you need
I can see that it gets to you
I don't believe in many things
But in you I do."
Já um mês e esse amor tem tanta força que me parece que te amo por toda essa vida.
E perdoem essa mulher apaixonada... Tenham paciência... Os apaixonados mal sabem quem são. Quanto mais o que escrevem. Até a próxima. =]

8 comentários:

Loira disse...

Nem sei o que falar sobre teu texto, não menos que maravilhoso e intenso..e muito verdadeiro.Adorei. Faço menção a ele no meu posto no flog.

Beijos querida.

gaby disse...

É kerida eu esperei 22 anos para dizer TE AMO, e esperei 23 para dizer adeus! Felicidades na sua conquista e lute sempre para torna qulquer etapa em melhores momentos,para sempre ficar guardado no coração o quanto é bom amar e ser amado!

luciana disse...

e somos duas. duas que detestam, que odeiam, com todas as forcas, a espera.
bandida.
mas vai dizer que não é ótimo descobrir que esperou tanto tempo por uma coisa tão boa?
mas se for assim, tá até valendo a pena tanta espera!
fico feliz por ti, guria, muito feliz...

e quanto a ausência, pois tu está certíssima: me falta mesmo um pulmão e um ar. me falta, até, a vida...

débora (sp) disse...

olá!! descobri seu blog procurando a letra de jorge da capadócia... olha só...
gostei muito do blog! dando uma olhada encontrei outras coincidências... vc é fã dos Los Hermanos, como eu, do Alberto Caeiro (!), como eu, usa trechos de música do Zeca Baleiro, como eu... rsrs!
ganhou uma nova leitora!!

vc não acha que todo mundo deveria ler Caeiro? nooosssaaa, pensa na diferença que faria... pensa...!!

um grande beijo!! e parabéns pela declaração! chico já disse que quem espera nunca alcança, mas até ele sabe que não é bem assim...

Ivan disse...

Em meu nome e do da Lelinha (principalmente), estou aqui para lhe dizer que DIA 20 DE NOVEMBRO será um dia de festa para compartilhar com meus blogueiros favoritos e os dela também.

Para saber um pouquinho mais, veja meu último post.

Abraço terno!

Fabi disse...

Nunca é tarde para esperar por um amor. Desejo que dure... não necessariamente pra sempre, mas o tempo necessário para te completar!
bjs

Maya disse...

*suspiro*

Raquel disse...

...
a gente vai aprendendo que no caminho esperar as vezes é melhor que viver, mas lute, alcance a felicidade a dois e depois... depois é isso que nos faz viver, o amor!